quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Se eu estivesse dentro de ti

Se eu estivesse dentro de ti
saberia o que pensas
quando não consentes e calas
ou quando dizes o que não queres.

Se eu estivesse dentro de ti
saberia das tuas palavras
que ao contrário deslizam
no oposto pensamento de dizer.

Se eu estivesse dentro de ti
ficaria a olhar-me em silêncio
e a pensar de que nada vale
quando se está dentro de alguém.

Se eu estivesse dentro de ti
tudo seria uma imensa monotonia
tudo se desmonoraria sem tempo
para poder estar dentro de ti.

Se eu estivesse dentro de ti
seria a mais estúpida das pessoas...

8 comentários:

wind disse...

Outro um pouco contraditório e angustiante.
Beijos

António disse...

Paulinha!
Felizmente não podes estar dentro de ninguém.
Ficarias decepcionada com as pessoas.
Todas!

Beijinhos

António Sabão disse...

Pois! :)

peciscas disse...

O final do teu poema, fez-me pensar.
Por vezes, dou por mim a imaginar a capacidade de penetrar o pensamento de outras pessoas.
De facto, deixaríamos de ser o que somos e, se calhar, não tinha mesmo piada...

A. João Soares disse...

Que horror, que monotonia, que desilusão, estar encarcerado noutro corpo! Cá de fora observando os indícios, procurando perceber a sinceridade e a fantasia ou mesmo a má intenção, a vida é um desafio constante que aguça a curiosidade e o poder de observação. Oh, Todo Poderoso faz de mim ave ou abelha para observar os que me interessam, por fora, de alto, ou por baixo, em cada momento, e capacidade para estabelecer diálogo e perceber os porquês dos seus comportamentos.
E é por fora, de muito longe, a uma distância virtual, que procuro detectar a mensagem transmitida por tão aliciantes versos da amiga Paulinha! Em cada dia presenteia os amigos com novas pérolas de ideias geniais.
Beijos

Teresa David disse...

Também acho que é óptimo não podermos estar dentro dos outros, pois se mesmo assim temos tantas desiluções... Cá de fora ao menos podemos inventar o interior dos que amamos e fugir antes que vejamos a verdade interior!
Já tenho nova história.
De qualquer forma acho este teu poema bastante conseguido, embora, ache que ficasse melhor sem as últimas duas linhas, mas a minha opinião vale o que vale.
Bjs e tudo em cima
TD

Nilson Barcelli disse...

Estar dentro de alguém pode ter várias interpretações.
O poema, por isso, também.
E esse facto torna-o rico.
Imaginei 2 ou 3 hipóteses e em qualquer delas o poema é muito bom.
Como é teu timbre, aliás.

Beijinhos.

leonor costa disse...

Quantas interpretações pode ter este poema! Tantas vezes desejamos estar dentro de alguém e esquecemo-nos de nós!
Maravilhoso!

Beijinhos


HOJE E AMANHÃ