terça-feira, 29 de julho de 2008

As minhas romãs


Tirei descaradamente do À BEIRA DE ÁGUA esta fotografia.

Parte da infância
fica nas romãs
saboreadas com açúcar
na quinta dos meus bisavós,
parte dela destruída
parte dela ainda viva
por isso este espaço
tem este título.

16 comentários:

A. João Soares disse...

O espírito telúrico é muito próprio dos portugueses. Não cortes essa parte viva da memória da infância.
Beijos
João

Viajantis disse...

nhamnham!!!
Boas, muito boas!

João Videira Santos disse...

Com a foto, o poeminha de sempre...breve e incisivo.
...E se eu gosto das palavras breves e ligeiras que se digerem num repente e num relampago se tornam introspectivas...Beijo

Júlia Coutinho disse...

Gostei muito deste teu blog.
A tua escrita, bonita como sempre.
Parabens a ti e ao Bruno tamb�m.

Eduardo Aleixo disse...

Roubaste, não. És educada. Pediste autorização.
Falando a sério: as romãs merecem ser roubadas.Para serem vistas.
E saboreadas.
Beijo.
Eduardo

wind disse...

Bem bom romãs:)
Beijos

Entre "aspas" disse...

Vestígios de um passado que permanece como uma das mais belas recoradações,os tempos de infãncia.
Parabéns ao filhote,embora atrazaditos!!!e um grande beijinho.
Bjs Zita

peciscas disse...

Se calhar até já tinhas falado disso. Mas agora fico a entender melhor a razão do título do blog.
Gostei muito deste post.

Angel of Light disse...

Paulinha querida, estou de volta,... se bem que de partida para férias.
Não quis deixar de passar aqui para te deixar uma luzinha e dizer que tive saudades tuas.

Estás bem? E os teus três pimpolhos já crescidinhos?

Fica bem querida.

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

Sónia Pessoa disse...

olá Paula, desculpa mas queira perguntar-te: estou a organizar os blogs por norte, centro e sul, onde te encaixo?


brigadaaaaa

Menina_marota disse...

Não conseguia comentar aqui. Há horas que tinha a tua página aberta!

Bela imagem demosntrativa das palavras que proferes sobre a origem do nome deste Blogue. Gostei de te ler!
Beijinho ;)

poetaeusou . . . disse...

*
as tuas
romãs com ... canela
,
jinos
,
*

Odele Souza disse...

Que foto linda Puala!

Um beijo.

xistosa - (josé torres) disse...

Na infância, as duas romãzeiras, carregadinhas, nem tinham tempo de esperar pelo açúcar.
Apanhava as que o calor rachava e era um fartote, eu e a minha irmã.

Vou de férias.
Até 22 fica livre deste desinquietador.
Levo o portátil ... não sei se vai querer trabalhar e acalmar-me o vício.

Um até já!!!

Arte Autismo e www.arteautismo.com disse...

Paula , vejo agora a origem do nome do teu blogger, .Tuas romãs da infância.
Gostinho de saudades , das brincadeiras e da sensação de liberdade plena, mental e fisíca.
Gosto de romãs , aqui no Brasil tem muitas e maduras são doces....
Paula , minha querida Paula , tenho flores para ti lá no meu blog.
É flores para uma flor.....
Como dizia o poeta , és uma flor perfumosa.
Beijos.
Ray

Teresa David disse...

Que bela fotografia que tu pintas com as palavras!
Bjs
TD