domingo, 11 de novembro de 2007

Amo-te

Adormeço no teu pensamento
quando acordada te penso
e de manhã o sonho
permanece nas tuas palavras
e no doce sorriso
ao longo do meu corpo
inerte de ti, meu amor.

5 comentários:

MIMO-TE disse...

Isso é maravilhoso, ainda bem :)

Deixo mimos

Pedro Arunca disse...

Acorda nas palavras que o dia te nega.
Beijos

poetaeusou . . . disse...

*
permanece nas tuas palavras
,
ji
*

Pedro Rui disse...

:( Este poema deixa-me triste. Ainda hoje tenho medo de dizer "Eu Amo-te" a alguém. Sei que não devia ter medo de algo tão bonito e especial. Mas tenho! E confesso que tenho inveja de toda a gente que trate outra pessoa por "meu Amor". É por isso que às vezes tenho vergonha de mim mesmo! (suspiro)

Vultos disse...

Lindo, brilhante...

Manuel Rodrigues