quarta-feira, 7 de maio de 2008

Pressuposto

Dedico estas palavras a alguém que a blogosfera me permitiu conhecer...

De ti recebo o gesto escrito
da sensibilidade pura,
em ti leio as mais belas
sonatas de amor sublime,
por ti passeio a minha voz
embriagada, de leitos vivos
e sensualidade encontrada,
em versos felizes de chegada.

Até ti elevo o sentimento
que escolho entre outros,
contigo amacio o som amargo
das canções que esqueço,
sem ti perco o sentido
de estar ausente,
para ti escrevo não querendo,
o que quero sentir agora,
entre um som e uma estrela.

13 comentários:

wind disse...

Belo, cheio de sentimento!
Beijos

Acordomar disse...

ola Paulinha, vim ate cá, mas nao sabia que tinhas continuado.. temos alturas q realmente nao dá para avançar.

Gostei desta tua homenagem, é sp bom a alguem que a merece :)

beijinhos para ti e td de bom*

Anónimo disse...

Lindas palavras como so tu sabes escrever. Adoro como sempre, isso ja sabes.
Muitos beijinhos da tua filha xx

peciscas disse...

Seja quem for que recebe estas palavras, certamente que vai sentir-se com a sensibilidade tocada.

© Piedade Araújo Sol disse...

muito bem dedicado, neste poema consegues traduzir o grande talento teu e a quem o dedicas.

tamb�m eu, admiro o NB.

beij

Å®t Øf £övë disse...

Paula,
Há realmente pessoas assim, a quem nos prendemos pelas palavras.
Beijinhos.

Isabel-F. disse...

um belo poema e bonita homenagem ...


bjs

Divinius disse...

Muito bonito...)

DelfimPeixoto disse...

Aos dois (?) um abraço

TINTA PERMANENTE disse...

Uma bela dedicatória!...

abraços!

poetaeusou . . . disse...

*
o sentir . . .
dos sentimentos,
,
conchinhas,
,
*

A. João Soares disse...

Um lindo poema, uma dedicatória que todos e cada um devem sentir dirigida a si.
Quando se escreve num blog, tem de se ter vontade de agradar a quem nos visita, de lhes dar algo de nós, uma nova informação ou um pouco de arte poética, como é o seu caso, para dar prazer e suscitar emoções positivas.
A comunicação pelos blogs, cria uma empatia muito interessante, embora, por vezes, lesada por quem não sabe cultivar a arte da polémica educada, usando argumentos e não insultos.
Sem dúvida que este post é dirigido a um ídolo, que não precisamos de conhecer, mas é bom que cada visitante se considere visado, dento do conceito atrás descrito.
Beijos
A. João Soares

Arte Autismo e www.arteautismo.com disse...

Oi Paula,
YUpiiiiiiiiiiiiiivoce volt
Com alegria incontida te vejo de volta, eu que me recusei ficar sem ti , sem sua senbilidade seu carinho,sua poesia !
Paula es muito querida para mim, apesar da amizade ser virtual.
Eu amei esta poesia que tu preparaste, ela só podia ter nascido de você!
E se voce nao estivesse aqui como poderíamos ter ese brinde de emoções?
Para voce te deixo este verso, qu
Um beijo com todo carinho mundo.
Ray
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
A amizade não se resume só nas horas boas, de alegria e de festas.
Amigo, é para todas as horas, boas ou ruins, tristes ou felizes.
“Não importa se você esteja longe ou perto. O importante é q você exista para q alguem possa sentir sua falta“.
autor desconhecido