quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Que dizer


Que dizer do tempo
hesitante de um poema
ou da forma magoada
de o escrever,
que dizer da voz
decidida do Poeta
ou do modo alterado
de o falar
e de o cantar,
que dizer de mim
e de ti
na noite de todos os poemas
dentro do tempo
dito de nós.


Foto repetida: Viajantis

16 comentários:

wind disse...

Profundo. Gostei.
Beijos

vida de vidro disse...

É essa "forma magoada de o escrever" que lhe dá a capacidade de nos tocar. Muito bom. **

Viajantis disse...

que dizer desta poetisa? Fantástica!

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Paula, bela foto e um poema, que faz toda a diferença... É assim Poetisa!
Gosto muito de te ler!... Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha

A. Jorge disse...

E que dizer do poeta que molda
as palavras, qual escultor
de forma sublime,
que embora magoada o possa ser
e mesmo a hesitar continue a escrever…
e que dizer de vós ou de nós
que o lemos e o ouvimos
cantado ou declamado
mas sempre de espírito arrepiado…
maravilhado?

Beijos

Jorge

Ana Martins disse...

Que dizer de um tão belo poema?

Simplesmente parabéns!

Gostei muito!

Beijinhos

A. João Soares disse...

Gosto das hesitações na penumbra que antecede a decisão: Que dizer? Só que há um jogo perfeito de palavras que sensibilizam pelo significado e pala sonoridade.
Parabéns, Beijos
João

Fenix disse...

Dizer que talvez,
depende de quem o fez.
A forma entusiasmante!
A alegria esfuziante!
A voz cantante!
De noite e de dia,
Com toda a magia!
A um tempo qualquer ,
que vier,
para nós!
Pois não estamos sós!

Abraço

piu disse...

Aqui nem sobra espaço para dizer o que quer que seja...lindo.

De Amor e de Terra disse...

Querida Paula AMEI!!!

"Que dizer da forma magoada de o escrever..."
Belíssimo, na expressão desse sentimento avassalador do acto poético.
Beijos Amiga

Maria Mamede

Amaral disse...

Que dizer?...
Apenas que o poema não conhece o tempo e o poeta pula pelo tempo com o coração ao colo...

Eduardo Aleixo disse...

Que dizer senão que fico maravilhado com o teu talento?
Beijo e um bom dia para ti. Parabens. Tenho pena de não poder estar presente.
Eduardo

PreDatado disse...

Dizer que sim, que é belo e dizer de ti que escreves muito bem.

peciscas disse...

Estou a regressar, pouco a pouco, depois da "pausa".
Já tinha saudades de ti e dos teus poemas. Sempre tão íntimos e bem construídos.

Mariazita disse...

Que dizer dum poema tão belo?
Que dizer quando tudo já foi dito?
Quando não há outras palavras para além de: GOSTEI ???
Apenas...parabéns!

Bom fim de semana
Beijinhos
Mariazita

Å®t Øf £övë disse...

Paula,
As palavras têm muito mais força do que aquilo que por vezes nós pensamos.
Beijinhos.