quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Sonho


Já estive aqui. Neste lugar.
Era Verão.
Muito calor,
muita gente.
Confusão.

Já cá estive. Eu sei.
Confusão e gente.
Calor e Verão.
Lugar onde estive.

Já estive.
Neste Verão.
Era um lugar
com muita gente
e confusão.

Já aqui estive.
Gente de Verão,
lugar de confusão.
Calor aqui.

Já estive aqui...
ou não?


Foto: Gustavo Lebreiro

10 comentários:

Viajantis disse...

jogo interessante de palavras...

Eduardo Aleixo disse...

Lugar confuso, mas com poema claro, a harmonia se rfepõe.
Beijo.
Eduardo

João Videira Santos disse...

Dos lugares e das formas, a maneira de estar. De sonhar e viver!

wind disse...

Bom jogo de palavras.
Beijos

A. João Soares disse...

Certamente não! Ou sim, quem sabe. No Verão tudo é confusão, gente e incertezas, e sonhos de jogar com as palavras e com outras coisas que nem sempre dão certo à primeira e é preciso experimentar outros arranjos, num puzzle que não sai logo à primeira.
Beijos
João

poetaeusou . . . disse...

*
paulinha,
,
belo poema,
lindo,
,
jinos
,
*

peciscas disse...

É bem verdade que todos já estivemos em lugares desses.
No Verão e nas outras estações

Graça Pires disse...

As palavras a dizerem as emoções mesmo brincando...
Um beijo.

Isabel-F. disse...

que bela confusão ...

odeio confusões ...

e o teu poema transmite e bem, a confusão ...


beijinhos

Anónimo disse...

Interessante jogo de palavras :)
Beijinhos da tua filha, longe mas sempre perto xxxxxx