sábado, 15 de agosto de 2009

Anjo


NÃO.

Não sou figura de arte,
alada, jovem,
mitológica...

Não sou mensageiro,
nem figura puramente
espiritual.

NÃO. Não sou anjo.

Sou essa flor
sensual e humana,
um odor, um caminho,
paz, luz, saudade,
a neblina, o silêncio,
o nunca mais
ou o sempre!

Sou SIM!

Anjo...


Foto: Maria Clarinda

25 comentários:

Mariz disse...

Querida Paula

Grata pelas tuas palavras e visitas nestes tempos que foi tipo tsunami.
Não percebi se ainda tens o teu pai contigo..caso assim seja entrega-lhe um abraço numa benção minha...se não...os melhores votos para o céu!Os meus partiram c/ bum intervalo de 4 anos. Mas nós só os deixamos de ver...eles é que nos vêm a nós e se estiverem autorizados - para que a sua evolução também progrida, fazem-nos muitas visitas...nós é que não os vemos devido a esta densidade corpo/matéria... - quando o largarmos...deve ser um alívio!
Mas podem acompanhar-nos...mais de perto...porém, não interferirão nas nossas asneiras...escolhas.....turrices!
Portanto connosco é: "levar" e andar pra frente! E sem ripostar...senão, a coisa doi a dobrar porque as situações chegam-nos com mais violência, para VER SE APRENDEMOS DE UMA VEZ POR TODAS!
Ficam pois aqui as hipóteses possíveis e o meu abraço abraçado de sempre pra ti.
Mariz

Mariz disse...

Paul com toda aquela conversa esqueci-me de te logiar pelo teu sentir..nesse braçado de palavras sequenciais sonantes, maduras e com tantas gotas de realidade.

abraço meu, sentido e sentindo..

Mariz

mfc disse...

Tu escreves com os sentimentos... e faze-lo muito bem.

Mona Lisa disse...

Olá Paula

Que dizer?

Belo e sentido como sempre!

"Sou Sim...o teu Anjo"!

Bjs.

Maria Clarinda disse...

Paulinha digo-te que este foi um dos poemqas MAIS LINDOS que escreveste!!!!Não tenho mais palavras, tenho o sentir que as tuas palavras transmitem!!!Jinhos muitos!!!!!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Paula,

Você é essa mulher linda que sabe ser luz. Suas palavras irradiam sentimento.

Beijo grande, menina linda.

Rebeca

-

Maria Emília disse...

Flor de Lis, Lótus a flor sagrada, Nenúfares por entre os quais as ninfas se banham. Tantas lendas associadas a esta bela flor. No meu jardim há um lago cheio de nenúfares, mas por entre eles só passeiam e coaxam as rãs. Talvez, andem por lá as ninfas, mas ainda não as encontrei.
Um beijinho,
Maria Emília

EDUARDO POISL disse...

Ninguém tem culpa
Daquilo que não fomos
Não ouve erros

Nem cálculos falhados

Sobre a estipe de papel;
Apenas não somos os calculistas
Porem os calculados

Não somos os desenhistas
Mas os desenhados
E muito menos escrevemos versos
E sim somos escritos

Ninguém é culpado de nada
Neste estranhar constante
Ao longe uma chuva fina
Molha aquilo que não fomos...

Autor: Desconhecido
Um lindo domingo com todo carinho para você.
Abraços

wind disse...

Lindíssimo!
Beijos

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Paula,

Realmente neste publicação, só encontrei BELEZA : das palavras, dos sentimentos, do significado e da linda foto da nossa bela amiga Naria Clarinda !

Um beijo verdinho para cada uma !

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA PAULA, POEMA ESCRITO COM O CORAÇÃO... LINDO!!!
PARABÉNS PELA FOTO... ABRAÇO-TE COM MUITA AMIZADE,
FERNANDINHA

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~

SIM à vida.

NÃO às coisas más da vida.

Bjossss!!

~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~*~~

Justine disse...

Podes não ser figura de arte...mas a tua escrita é-o!

Marta disse...

Boa tarde Paula Raposo.

Ocupo este espaço para lhe dar a conhecer a www.bubok.pt, um serviço de auto-publicação online que dá a qualquer autor a possibilidade de editar e publicar as suas obras. O processo é muito simples e o controlo está sempre nas mãos de quem publica. Romances, fotografias, receitas de culinária, monografias, diários de viagem, conselhos, etc, tudo pode ser publicado na Bubok.

Em www.bubok.pt encontra todas as ferramentas e serviços que necessita para publicar e vender as suas obras, em formato electrónico ou em papel. Porque a Bubok tem preocupações com o ambiente, o seu serviço de publicação funciona segundo sistema Print-on-Demand: só se imprimem os livros encomendados, não sendo necessário um número mínimo para o fazer e sem originar excedentes.

A nossa prioridade é o autor. Em www.bubok.pt é você quem define o processo editorial da obra e, para além de publicar as suas ideias facilmente, recebe 80% dos lucros das vendas.

Se gostou da Bubok.Pt e pretende ajudar-nos a divulgar este projecto a todos os autores que queiram publicar os seus conteúdos, pedimos-lhe que inclua um link para o nosso blog na sua lista de links: http://www.bubok.pt/blog/

O seu livro está nas suas mãos. No entanto, se precisar de algum esclarecimento, não hesite! O meu contacto é: marta.furtado@bubok.com.

Osvaldo disse...

Paula;

Para tão belo poema só posso dizer que se as flores não são anjos, certamente foram os anjos que plantaram as flores...

E essa é maravilhosa, angelical.

bjs.
Osvaldo

peciscas disse...

Não serás um anjo que é uma figura etérea e invisível. És uma mulher, com emoções, sonhos, memórias, de que, aliás, muito gosto.
Não serás um anjo (não serás?) mas és um ser humano bonito que gostamos de ver aqui na terra.

Ana Martins disse...

A flor pode até não ser um anjo, mas tem a beleza e a suavidade que nos anjos imaginamos.

Beijinhos,
Ana Martins

Ana Oliveira disse...

Tão bonito...
Anjos...todos nós! Trazendo a Luz e a Paz. Estendendo a mão e dando o coração.

Boa semana, envolta no perfume adejado pelos anjos importantes.

Um beijo

Ana

Rafeiro Perfumado disse...

Mas olha que há quem diga que os anjos são florzinhas... ;)

Beijoca!

heretico disse...

poema visceral!

belíssima flor "sensual e humana"...

beijo

Vicktor disse...

Querida Paula

Que bonito poema, inspirado... muito terreno, sensual, verdadeiro!!!!

Beijinho.

Laura disse...

Ai, se a fotógrafa é assim tão boa, que reproduz flores tão lindas, tão lindas, porque, os nenúfares são as minhas plantas aquáticas, preferidas... e a Poetisa capricha ans palavras, só posso dizer que; gostei e muito...Beijinhos à M Clarida e a ti, Paula..laura.

© Piedade Araújo Sol disse...

bonito poema.

bela foto da Clarinda.

deixo beijo às duas.

mundo azul disse...

___________________________________


...o poema é lindo e a imagem faz jus às suas letras!


Beijos de luz e o meu carinho...


__________________________________

EDUARDO POISL disse...

Hoje estou passando para ler as novidades.
Abraços