quinta-feira, 27 de março de 2008

Sentidos

Na praia dos sentidos
algas búzios e conchas
e os sons e as cores
as ondas e o verde mar
e a leve brisa da manhã,
na praia dos sentidos
a areia dulcifica
este aroma salgado
de seixos acabados
de inventar
nos sentidos da praia
ao longo do paredão
salpicos de maresia
nas vozes do regresso.

29 comentários:

Marta Ribeiro disse...

Adoro a praia e o mar...gosto de apanhar buzios e conchas diferentes dos "normais"
Bonito poema...parabéns...bom dia e um beijinho :D

Marta Ribeiro disse...

A minha idade não é reflexo daquilo que já vivenciei ou daquilo que a minha maturidade exprime... :D eu gosto de ter 18 anos e ser assim (grande)

Isabel-F. disse...

é lindo o teu poema...

fascina-me sempre tudo o que refira a água ... o mar ...


beijinhos

wind disse...

Bom "jogo" de palavras:)
Beijos

© efeneto disse...

...ainda bem que deste lado a inspiração se mantem...um hino a uma praia que pode ser a nossa praia pessoal...beijito.

rouxinol de Bernardim disse...

Sabor a maresia neste poema tão refrescante...

Sérgio Figueiredo disse...

Minha Amiga Paula,

Aqui estou, li teu mail e agradeço. Sempre que quiseres, para mim é um prazer receber-te.

Ainda bem que tens, também, este blog. Assim aumenta-me o prazer de ler a tua inspiração

Post;

Esta praia "dos Sentidos" deve ser uma maravilha.

Todos os dias logo de manhã, gosto de fazer a minha caminhada á beira-mar (onde moro) e sentir o cheiro da maresia, o barulho das ondas, o som enternecedor das gaivotas e o roncar dos motores dos, poucos, barquitos de pesca.

Essa tua praia "dos Sentidos" tem os mesmos prazeres. E avaliando pelos meus "sentimentos", quando caminho, posso agora imaginar também os teus, pois o post revela que as tuas palavras são de prazer e desejo. Apenas a pena de regressar e não poder ficar.

Bjs

Erik disse...

o mar....o meu local preferido....belo poema com sabor a mar......

peciscas disse...

Excelente analogia!

Pena disse...

Sensacional Amiga:
Poema genial. Sentidos que comunicam com intensidade. Deslumbrante capacidade poética.
Gostei muito.
Escreve com um coração gigante.
OBRIGADO pelas atenções com que me tem presenteado. OBRIGADO!
A sua escrita é poderosa e fascinante.
Beijinhos amigos de estima e imenso respeito

pena

© efeneto disse...

Roubei do corvo a cor
esvoaço sem sentido na noite.
De norte a sul só a escuridão
e um pássaro de asas quebradas
perdido na imensidão.
Aliso as penas de novo
e sonho-me a levitar
por entre nuvens e mares
à procura da ilha prometida.
Enquanto a procuro venho aqui
Desejar um óptimo fim-de-semana
Na companhia de quem mais ama.

Carla disse...

adoro o mar...mas esta tua praia dos sentidos...é aquilo que eu gostava de ter inventado da praia que visito sempre que preciso de espairecer
beijinhos e bom fim de semana

Amaral disse...

A tua praia distribui salpicos de maresia. É uma praia que acolhe e abraça sensações de bem-estar. Quando a manhã deixa a areia molhada e viva, os nossos sentidos deliciam-se a vê-la, a ouvi-la e a cheirá-la. É a tua praia! A tua praia salgada...

tibeu disse...

Praia, amor, são duas coisas que ligam, amo as duas. Votos de bom fim de semana

JOSÉ FARIA disse...

Alimentam-me a alma e as ideias, estas tuas palavras que me trazem imagens, aventuras e convívios de quando marinheiro de passos dados por Vila Franca de Xira, Alfeite, Monsanto, Algés Linda a Velha.
E tu ó mar, que me chamas-te a ser marinheiro no serviço militar, mantem-te calmo na inspiração dos poetas.
Beijos salgadinhos

Acordomar disse...

Ola Paulinha
... nunca nos apetece deixar a "praia dos sentidos"

m grd beijinho para te desejar um b f semana;*

(a crise é mesmo grande...)

Å®t Øf £övë disse...

Paula,
A praia, sempre a praia que nos fascina os sentidos.
Beijinhos.

A. João Soares disse...

Um lindo poema a elogiar a praia entre Cascais e o Estoril. Mas a poesia aplica-se a todo o litoral, à vida. Os sentidos trazem sensações aos milhares, sendo preciso sintonizar aquilo que mais nos agrada. E o mal da humanidade é o enquistamento desse sistema de sintonia que leva muita gente a ficar com uma visão míope, vendo apenas um lado da realidade, quando esta multi-facetada.
Este poema desperta-nos para a multiplicidade de aspectos da beleza real que nos circunda.
Parabéns por mais estas palavras bem aliadas e coligadas que nos arrastam para meditações abrangentes.
Beijos
A. João Soares

Passaro Azul disse...

Querida Paula,
o meu tempo não tem sido muito, mas hoje cá voltei para te dizer que continuas a tocar as emoções com uma mestria fabulosa.
Abraço-te com saudade.

Isabel-F. disse...

Querida Paula,

Tens de ter fé ...

quem sabe o teu Pai não ultrapassa esta crise ... espero que sim ...

beijinhos com carinho

Victor Nogueira disse...

Olá, Paula
Espero que volte e bem,
Bjo VM

poetaeusou . . . disse...

*
paulinha
,
mar dos sentidos,
trilhando o paredão,
brisas inventadas,
nas salgadas maresias,
sonantes cantatas,
nas brumas dos buzios
,
forcinha para o teu pai,
,
bjis "murais"
,
*

Carla disse...

vim aqui porque não consegui comentar em cima e apenas para te deixar um bewijinho cheio de força e desejar as melhoras do teu pai
beijos grandes

Nilson Barcelli disse...

Belo poema, mas nem me concentrei na leitura por falares do teu pai... espero que corra tudo o melhor possível cara amiga.
Um abraço solidário, beijinhos.

Teresa David disse...

Senti o cheiro a maresia no teu lindo poema.
Não sabia que o teu pai, que conheci como te deves lembrar, estava doente. Esperemos que recupere, pensa positivo que é sempre melhor para ti e mesmo para ele também.
Bjs solidários
TD

Lumife disse...

Vinha entusiasmado ler as palavras tão belas que partilhas connosco mas fiquei preso das novas sobre teu Pai. desejo que tudo corra pelo melhor. Esperança.


Bjs.

Pena disse...

Adorável Amiga:
Antes de tudo: As melhoras rápidas do seu lindo pai.
É sincero. Um sentimento puro desejado e sentido.
Fico preocupado, sabe?
Não venho comentar a pessoa linda, terna e amiga que é, ñão comento.
Hoje, é tudo para o seu pai.
Bj amigos de imensa ternura, consideração e profundo respeito sincero pelo que é.
Gostaria muito de estar ao corrente do desenrolar de tudo.
Informe-me, POR FAVOR! OBRIGADO!
Profundamente preocupado.


pena

Arte Autismo e www.arteautismo.com disse...

Oi Paula, Estimo de coração as melhoras de teu pai. que tudo esteja correndo bem com ele.
O pai é uma referência muito importante para todos nós nesta vida, é por isso que sei o que sentes!
Que tudo corra bem, e voce volte logo para nos brindar com suas tocantes poesias. E nos trazer boas noticías de vosso pai.
Estou te esperando....beijos
Ray

© efeneto disse...

Aquele pequeno quadro a óleo
que na rua vi pintar
colheu-me a atenção.
A beleza figurativa do tema,
a delicadeza da autora.
O dinheiro é pouco
estamos no fim do mês.
Com esforço compro-o.
Nele diz:
Amigo/a BOM FIM DE SEMANA


Esperamos a sua noticia do restabelecimento do seu ente querido.