domingo, 10 de janeiro de 2010

Ser Poeta


Se ser Poeta é uma gaivota
agonizando na areia
ou uma pequena luz
reflectida na rua escura;

se ser Poeta é escrever
o antídoto eficaz
para a não existência,
chorar absurdamente
e rir de si mesmo;

se ser Poeta é esmagar
a própria loucura
numa nova voz:

então eu sou Poeta.


Foto minha.

39 comentários:

Sonhadora disse...

Lindo poema...adorei.

beijinhos

Sonhadora

Chica disse...

Lindo e és uma ótima poetisa.beijos,chica

gaivota disse...

lindoooooooooooooo
maravilhosoooooooooooooooo
é rir e chorar ao memso tempo, é ser mais alto!
bom domingo
beijinhos

Isa disse...

E és Poeta, minha querida Paula!
É um dom maravilhoso que tens e que transmites!
Mais...és Poeta na Palavra,na Sensibilidade tão própria e na Fotografia!
Completa, minha Amiga querida.
Beijo.
isa.

wind disse...

Gostei muito.
Beijos

entremares disse...

Paula,

É, sim.

Fica bem,
Rolando

Mona Lisa disse...

Olá Paula

Ser poeta é sonhar...escrever emoções, sentimentos...

Bjs.

Maria Emilia disse...

Ser poeta, para mim é tudo o que diz e infinitamente mais e sem dúvida os seus poemas dizem que a Paula é poeta.
Um grande beijinho,
Maria Emília

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA PAULA, SER POETA É SER MAIS ALTO... A TUA ALTURA NA POESIA, ESTÁ MUITO LONGE DO COMUM DOS MORTAIS... A FOTO FANTÁSTICA...!
ABRAÇOS DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

mfc disse...

Ser Poeta é ir sentindo mais que os outros!

Maria Clarinda disse...

(...)se ser Poeta é escrever
o antídoto eficaz
para a não existência,
chorar absurdamente
e rir de si mesmo;(...)


Muito bonito o teu poema, que acho que já o tinha lido, não Paula?
A foto está muito bonita tbm.
Jhs

PreDatado disse...

És e não só por isso.

Vicktor disse...

Querida Paula

Os teus poemas são sempre plenos de conteúdo sentido...

Beijinhos.

Nilson Barcelli disse...

Não sei se esmagas a loucura e outras coisas mais... o certo é que és poeta, isso sei...
Querida amiga, boa semana.
Beijos.

Eduardo Aleixo disse...

E escreveste um belíssimo poema. E a foto é fantástica. Parabéns, Paula. Um beijo

j. monge disse...

Claro que és!
Beijo!

Ivana Marisa Altafin disse...

Oi Paula,
Muitas coisas pode inspirar um poeta; alegria, paixão, tristeza, amor e outros sentimentos. A minha maior inspiração está no amor. Parabéns pelo lindo poema e pela visita no meu blog. Um abraço!

heretico disse...

és Poeta! sem dúvida...

gostei. muito

beijos

Ana Martins disse...

É poetisa sim Paula e das que aprecio!

Beijinhos,
Ana Martins

Angela Guedes disse...

Oi Paula!!!
Você é uma poeta admirável, parabéns...
Beijinhos
Ângela

Eli disse...

A imagem fez-me parar. As palavras fizeram-me ficar. A música fez-me comentar!

Olá Paula! Tem um ano Feliz!

:)

Thiago disse...

Gostei!! :-) beijo barcelonês

joaninha disse...

Ser poeta é tudo o que dizes e mais os sonhos e a esperaça de os ver realizados.
Gostei muito do teu poema. Beijinhos com carinho

Mariazita disse...

Há quem considere que "poetisa" é uma "poeta" menor.
Então, tu és Poeta, sim!

Beijinhos
Mariazita

PS - A foto está giríssima

© Piedade Araújo Sol disse...

Claro que és!
sem margens para duvídas.
beij

Carmo disse...

Parabéns Paula pela poesia. Claro que quem escreve e sente assim só pode ser poeta

Beijinhos

Carmo

as velas ardem ate ao fim disse...

Podes crer!

Um bjo

Eduardo Aleixo disse...

Passei por aqui só para te dizer que tenho no meu blogfue um selo que desejo partilhar contigo. Beijo

Jaime A. disse...

Sim! És poeta e o teu sonho desliza louco na ponta dos teus dedos. Beijos e resto de boa semana.

Laura disse...

Ser Poeta é cantar
ao amor, alegria e à dor
ser Poeta é ter em si
a sina do desamor!...

Beijinho de outra Poeta, que sabe que a vida é dificil...pois vivemos de sonhos e em sonhos, e...sofremos também..abraço da laura

José Rui Fernandes disse...

E dê-nos sempre essa nova voz!

Abraço

Amaral disse...

És poeta, como sempre afirmei!
E és gaivota e és Luz, reflectida em tudo o que tens à volta.
Ser poeta é, também, saber chorar de alegria e escrever o que se sente, com a alma livre e escancarada...

Graça Pires disse...

Um excelente poema, Paula. Um poema de poeta cheia de sensibilidade.
Um grande beijo.

Corvo disse...

Não deixes nunca de escrever. Poemas desses, só para quem os sabe fazer. De nada vale tentar imitá-los, são únicos.
Beijo

Manuela Freitas disse...

Olá Paula,
Bonito poema!...
Se ser poeta é tudo isso, eu também sou poeta e já não escrevo poemas...
Gostei imenso...
Beijinhos,
Manuela

Kim disse...

Claro que és. Tu sabes!
Bj

xistosa - (josé torres) disse...

Se ser poeta é "uma gaivota agonizando ..."
Ter a obrigação de tentar transformar o mundo
Ser poeta é vida, energia, é aprisionar o infinito e moldá-lo como melhor apraz.

Cumprimentos.

Maria Francília Pinheiro disse...

Paulinha
Gostaria de ter sido eu a autora deste poema: SER POETA!
Parabéns, amiga.
Um beijo
Maria Francília

ellen disse...

Sim...uma bela poetisa!!!

Beijinho