domingo, 5 de julho de 2009

Vocação

Avançando
o caminho encurta
o momento esperado
e devagar como convém
aos passos lentos
a dissolução é um mistério
e uma história de sonhar
e todas as flores
irão sorrir
no perfume de uma miragem.

22 comentários:

tulipa disse...

Esta tarde já pela blogosfera andei, mas...como fico logo muito cansada fui-me deitar 2 horinhas e regressei agora mesmo. Tenho que fazer o que os médicos mandam...
se me quero recompor devidamente.
Com a saúde não se brinca!!!

Fora de mim, ando eu!!!
Neste momento estou de repouso absoluto, mas não por estar de férias, mas sim doente, com uma Pneumonia aguda...situação complicada e que me assusta.

Tomara já Setembro, quando eu parto para uns dias de férias para repouso do bulício da cidade e da rotina de trabalho.

Convido-a a vir ao meu blog "DeAbrilemdiante" ver se consegue decifrar o ENIGMA que lá tenho. Vá lá, espero por si.

Bom domingo.
Beijos.
Boa semana.

Parabéns pela bela poesia,Paula.

heretico disse...

belo tombar na miragem... e no seu enibriante perfume...

beijo

korrosiva disse...

:)) lindo como sempre!!!

beijinhoss

Maria Clarinda disse...

(...)e devagar como convém
aos passos lentos
a dissolução é um mistério
e uma história de sonhar

Lindo...palavras para quê?
Jinhos muitos, muitos.

Maria Emília disse...

Sinto beleza subjectiva neste poema. Andei para aqui às voltas e não sei por onde pegar: vocação é miragem... devagar, passo a passo se faz o caminho e ganha sabedoria? É que a miragem tem mesmo um perfume próprio.
Um beijinho,
Maria Emília

Fenix disse...

Como qualquer viagem no espaço e no tempo...
Sonhamos o que vamos encontrar e enquanto o tempo e o caminho nos aproximam do destino queremos chegar mas alongamos os passos num misto de entusiasmo e receio, pelo mistério do desconhecido pela ansiedade de encontrar algo lindo...

Osvaldo disse...

Paula;

É caminhando em passos lentos, que temos tempo de apreciar as belezas que as caminhadas frenéticas nos impedem de apreciar...

bjs
Osvaldo

Mona Lisa disse...

Olá Paula

Mais um belo poema onde senti o mistério,beleza e suavidade do amor.

Parabéns.

Bjs.

Maria de Fátima disse...

dá um beijinho à Clarinda e recebe outro
e os meus agradecimentos, que eu faço apenas o que posso
obrigada por gostares e mo dizeres e perdoa se não digo mais vezes

wind disse...

Bonito.
Beijos

Nilson Barcelli disse...

Saborear antecipada e lentamente os bons momentos é uma arte, mais que uma vocação...
Belo poema querida amiga, gostei imenso.
Beijo.

peciscas disse...

Os momentos que mais nos tocam, têm de ser saboreados devagar.

Å®t Øf £övë disse...

Paula,
Quando as coisas são saboreadas lentamente o gostinho é sempre outro.
Beijinhos.

Ana Oliveira disse...

Entre o texto e a musica fico parada, sem nada para dizer e sem vontade de ir embora...e assim fico, como quem à beira mar sente nos pés as ondas pequeninas e no grito das gaivotas se entende, como quem olha uma flor e ouve a asa de todos os passaros que a voaram e o zumbir de cada abelha que a beijou...assim suspensa e surpresa e inquieta...

Um beijo

Ana

Ana Martins disse...

"...e todas as flores
irão sorrir
no perfume de uma miragem."

SOBERBO!!!!!!!!

Beijinhos,
Ana Martins

José Carlos Brandão disse...

Vivemos no perfume de uma miragem.

Beijo.

Laura disse...

Tenho andado a sonhar com miragens, miragens de todos os dias, de todas as horas...que daqui a nada sinto-me tal e qual, uma miragem!...
Beijinhos meus, laura..

mundo azul disse...

__________________________________

...sim! É preciso constância e paciência, para atingirmos nossas metas...

Sempre bonitos os seus poemas!


Beijos de luz...

_________________________________

Vicktor disse...

Querida Paula

O tempo que passa é algo de extraordinário que tu tão bem poemaste...

Beijinho.

Jaime A. disse...

O perfume de uma miragem faz as flores sorrirem. Lindo!

O Profeta disse...

Mas os golfinhos continuam felizes
A cavalgar ondas de madrepérola
A Lua sorri tristemente e pensa
Haverá alguém mais perverso do que ela?
Haverá?! Há sempre uma deusa perdida
Nos labirintos da contradição
Há sempre alguém que usa a palavra amor
Soprando doce veneno ao coração

Boa semana


Doce beijo

© Piedade Araújo Sol disse...

um miragem, bonita!

um beij