sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Querer



Quero poder pensar, sonhar,
escrever, afogar-me na beleza
-pensamentos sonhados-
que escrevo.

Quero ir até à praia,
percorrer todos os caminhos
que conheço - os que não sei -,
olhar o mar, as ondas;
mexer na areia, deitar-me nela:
sossegar os meus sentidos.

Quero ser a melodia
na voz dorida do meu amor.
Adormecer contigo no suspiro
que exalamos – exaustos -
que(ainda)podemos sonhar;

não quero deixar fugir
o presente.


Foto minha.

32 comentários:

Maria Clarinda disse...

E sabes bem que ele só fugirá se deixares...
lindo o poema, Paula.
Jhs mtos

Mona Lisa disse...

Olá Paula

Adorei!

Quem não quer esse "quereres"?!

Bjs.

Lisa

Sonia Schmorantz disse...

Linda imagem da praia, lindas palavras de mar amar...
beijos

Chica disse...

Lindo tudo,teu querer, a imagem, versos...beijos,tudo de bom,chica

Rafeiro Perfumado disse...

Afogar-me em beleza parece-me excessivo, não podes apenas banhar-te nela? Beijoca!

wind disse...

Quem quer sempre alcança:)
Gostei.
Beijos

Victor Gil disse...

Olá Paula.
Não deixes fugir o presente. É a única coisa que tenos certa. Temos pelos menos direitos a esse querer estar aqui e agora.
Beijos querida amiga.
Victor Gil

Amaral disse...

Sonhar, pensar, poder e querer!...
O teu escrever preenche-te e preenche-nos!
Podes crer (também...)!!!

Eduardo Aleixo disse...

Gostei do teu poema. Beijo de mar. Bom fim de semana.

gaivota disse...

lindoooooooooo, cheiro de mar e de praia! este fim de semana não vou...
mas "ele/ela" está lá, à espera
aproveita e faz esse 'querer'!
beijinhos

peciscas disse...

E. como queres, vais continuar a sonhar, a percorrer caminhos, a agarrar o presente e o futuro.

Gui disse...

E porque é que o hás-de deixar fugir? Agarra-o e se valer a pena, leva-o contigo para o futuro. Um beijo, Paulinha.

Barbara disse...

Está dito .
Vives então.
Já tens o cenário (bonita foto).

Graça Pires disse...

"não quero deixar fugir
o presente."
Não deixes, Paula, porque o futuro é hoje.
Gostei muito do poema.
Um beijo.

alice disse...

há melodias nas palavras de hoje que se estendem no tempo do poema para as de amanhã e depois, no lume aceso dos sentidos. um beijo, paula. bom fim de semana*

entremares disse...

Os sonhos perseguem-se.
Às vezes encontram-se... e fogem-nos por entre os dedos.

E desesperadamente, tentamos de novo reconstrui-los.

Beijos.
Rolando

F Nando disse...

Um querer com aroma de mar...
Beijos

© Piedade Araújo Sol disse...

querer é poder, e a foto diz tudo.

beij

heretico disse...

imagens poéticas muito belas.
gostei muito.

beijo

jawaa disse...

Que lindo poema!
Ah, e ninguém deve deixar fugir o presente, quando muito pisá-lo se ele for desagradável, e levantar voo a seguir!

Vieira Calado disse...

Pois, Paula...

Mas o presente é sempre passado.

Como diria Satre -

tenta... não serve de nada...

mas tenta!

Beijinho

Manu disse...

Olá Paula!

Não quero ser apenas mais um
ser semelhante a toda a gente
da vida retirar prazer nenhum
e deixar escapar o meu presente

Bom Domingo. Beijos

mfc disse...

Bonito... leva-me contigo!

Justine disse...

E se queres, podes!
Peremptório o teu belo poema, sem deixar de ser suave e luminoso!

Ana Martins disse...

Lindo querer Paula, gostei muito!

Beijinhos,
Ana Martins

Å®t Øf £övë disse...

Paula,
Querer para mim ainda é poder... e puder...
Beijinhos.

Angela Guedes disse...

Oi Paula!!!
‘Que nessa semana, você tenha:
Paciência para as dificuldades
Tolerância para as diferencias
Benevolência para os equívocos
Misericórdia para os erros
Equilíbrios para os desejos
Sensatez para as escolhas
Delicadezas para as palavras
Coragem para as provas
Fé para as conquistas
E amor para todas as ocasiões...
Um beijo enorme no seu coração!!!”
Ângela

Mariazita disse...

Quando o presente é bom há que segurá-lo firme, para não fugir.
Belo poema, muita linda, a foto.

Uma boa semana

Beijinhos
mariazita

Eduardo Aleixo disse...

Estão cá, estão. Tirei só um baguinho. O resto...guarda-se para o Natal. Suspensa num fio. Boa semana.

Vicktor disse...

Querida Paula

O presente sempre passamos por ele deixando-o para trás... importante abrir os braços ao fturo para o qual sempre caminhamos...

Beijinhos.

▒▓█► JOTA ◄█▓▒ disse...

ººº
Fotinha é de Carcavelos? Comento naquilo que sou forte, né? rsrs

Isa disse...

E o Presente...ñ existe! As minhas
palavras escritas...já são passado!
Como dói pensar e saber..
Beijo.
isa.