terça-feira, 3 de julho de 2012

No teu abraço

É no teu abraço
que busco
um sentido de mim,
um só e único,
que me permita
silenciar a dor
e acalmar
a saudade
dos gélidos tempos
perdidos.

Paula Raposo - direitos de autor reservados.

7 comentários:

wind disse...

Muito bonito.
Beijos

Natália Augusto disse...

Poema intenso e com uma bela mensagem de amor!

Beijo

Mar Arável disse...

Tudo pelo melhor

Bj

Nilson Barcelli disse...

Um bom abraço faz milagres...
Magnífico poema, como sempre.
Beijo, querida amiga.

Nilson Barcelli disse...

Um bom abraço faz milagres...
Magnífico poema, como sempre.
Beijo, querida amiga.

Isa Lisboa disse...

Esses abraços são tão bons...!
Lindo poema!
Beijos

Eduardo Aleixo disse...

Poema curto, mas em que todas as palavras são ricas, de emoção e beleza. Gostei muito.