segunda-feira, 19 de março de 2012

Silêncio II

Sei que o silêncio
é feito de vozes
translúcidas num momento
e vazias quando
se despenham na saudade.
Esse é o silêncio
que desvia
a minha atenção,
perturbador - sempre -
sob a luz
contínua da noite.

9 comentários:

Mar Arável disse...

Por vezes o silêncio não fala

apenas respira
e já é tanto

alice macedo campos disse...

um abraço amigo, paula*

mfc disse...

Esse silêncio agita-nos!

wind disse...

Gosto.
Beijos

Victor Gil disse...

Olá Paula
Neste Dia da Poesia, não podia deixar de passar por aqui, para deixar o meu abraço poético. e o meu carinho especial pela minha amiga.
Entretanto vou apreciando o teu silêncio.
Beijinhos
Victor Gil

leonor costa disse...

O silêncio também nos traz mensagens.

Abraço, Paula


Hoje e Amanhã

Isa Lisboa disse...

Há silêncios ensurdecedores....

heretico disse...

silencio inspirador...

beijo

© Piedade Araújo Sol disse...

É o tempo de renovar e; renascer.


Feliz Páscoa!


Um beij